Novidades

04 Maio, 2022
“A Los Grobo disponibiliza dinheiro aos seus colaboradores, através do Campo Social, para ajudar instituições”
“O Campo Social é o nosso programa de Voluntariado Corporativo, os colaboradores são responsáveis ​​por apresentar os projetos das instituições às quais estão vinculados, por exemplo, fazendo parte de uma cooperativa. Este ano foram apresentados 17 projetos e 5 favorecidos”, disse María Cuesta, responsável pela comunicação institucional da Los Grobo, em entrevista a Alicia Santos na Rádio Centro 1007 mhz (por Carlos Casares).

Sobre o que é o programa Campo Corporativo?

“Campo Social” é o nosso programa de Voluntariado Corporativo, é um programa que implementamos desde Los Grobo há 15 anos, inicialmente coordenado pela Fundação de Empreendedorismo Rural e depois foi decidido que o coordenaríamos internamente a partir da área de comunicação e da área de gestão de talentos porque a decisão é tomada pelas pessoas que trabalham na Los Grobo

A empresa disponibiliza uma quantia em dinheiro para eles, este ano foi de US$ 600.000, para que os próprios funcionários da empresa decidam qual instituição de sua comunidade ajudar.
Este é um programa que não é feito apenas para Carlos Casares, nossa empresa tem 34 filiais na Província de Buenos Aires, ao sul de Santa Fe, Córdoba e Entre Ríos.

Como é a apresentação do projeto da instituição?
Solicitamos a apresentação do projeto em um determinado formato e apenas 5 projetos são escolhidos para financiá-los e realizá-los. Os colaboradores são responsáveis ​​por apresentar os projetos das instituições com as quais estão vinculados, por exemplo, pais que estão em uma cooperativa ou que pertencem a um clube ou grupo.
Esse projeto vai para um júri e eles escolhem apenas 5 desses projetos apresentados e finalmente é executado

Quais projetos são os beneficiários neste 2022?

Em Casares, foi favorecido um projeto do Jardim 901, foi através de um dos pais, e é para reparos que devem ser feitos após sofrer danos por uma forte tempestade em março.

Outro projeto foi para a Associação Civil "El Abrazo de la Madre Teresa" de San Miguel del Monte e é para a construção de um espaço abrangente que funcione como um Lar Permanente para pessoas com deficiência, resolvendo assim o problema de abrigo existente.

A Escola Bartolomé Mitre em Villa del Totoral, Jesús María: beneficiou da compra de cerca de 50 pequenas estantes auto-sustentáveis ​​para que os alunos possam fazer passeios educativos a vários lugares emblemáticos da cidade e sentir-se “Artistas por um Dia”.

Mais tarde, em Chivilcoy, a Área de Piquenique "Los Pekes" apresentou o projeto para a construção de uma área de churrasco que oferece abrigo, abrigo e sombra nos dias em que o tempo está ruim e assim não tem que suspender a atividade da área de piquenique. É uma organização civil que atua há mais de 10 anos em um bairro de trabalhadores e famílias humildes.

Por último, o Colectivo Censo Sur, de Lomas de Zamora: onde o objetivo do projeto é instalar chuveiros comunitários para que os moradores de rua possam usá-los. Além disso, serão adquiridas máquina de lavar, mochilas e roupas íntimas para as pessoas que frequentam esses chuveiros comunitários e, com o excedente, serão adquiridos suprimentos (garrafa térmica, copos, copos plásticos etc.) .

Foram 17 projetos que se candidataram, mas 5 foram escolhidos, muitos mais foram apresentados do que nos anos anteriores e envolve cerca de 70 pessoas que trabalham na empresa e estamos procurando maneiras de colaborar com outras pessoas

Uma vez que os projetos são selecionados, quanto tempo leva para receber o seu prêmio?

Lançamos o projeto no início de março e eles tiveram todo aquele mês para apresentá-lo, em abril foram escolhidos os vencedores e já estamos trabalhando na implementação. Em seguida, acompanhamos a execução do projeto através dos colaboradores da empresa. → casareshoy.com.ar

Tradução automática do espanhol.

Voltar