Novidades

20 Julho, 2015
O Grupo Los Grobo é a empresa com a melhor reputação de mídia em seu setor
Há consumidores, há opinião pública e também há líderes de opinião que definem a agenda. Mas a mídia ainda é a janela preferida das marcas para fixar sua posição e a partir daí construir sua imagem.

Há alguns dias, ele apresentou pela primeira vez na Argentina o estudo da reputação da mídia realizado pela Mainmedia, empresa liderada pelo consultor e professor de espanhol Paul Capriotti. De acordo com sua apresentação, seu produto chamado Mediascan é um monitoramento setorial da reputação da mídia. É um modelo científico, que utiliza uma metodologia baseada em um conjunto de teorias científicas que analisam a influência da mídia na opinião pública. Este método permite complementar e expandir o monitoramento de mídia tradicional.

Dos 14 setores analisados, o Tecnológico e o Automotivo obtiveram uma melhor reputação de mídia. Coincidentemente, as três primeiras posições no ranking das 100 empresas analisadas são ocupadas pela Microsoft, Google e Samsung, respectivamente.

Segundo Capriotti, "a reputação da mídia é a maneira pela qual um assunto (organização, marca ou pessoa) é apresentado pela mídia a seus diferentes stakeholders através da cobertura da mídia e do tratamento nas notícias".

Esse benchmark da reputação da mídia envolveu uma análise interpretativa, comparativa e exaustiva de 100 empresas líderes que compõem os 14 setores-chave da economia em 10 dos principais meios de comunicação argentinos em seu formato on-line.

Os líderes de cada categoria são:

Agropecuário: Los Grobo
Automotivo: Volskwagen
Bancos: BBVA Francés
Alimentos / Bebidas: FEMSA
Petroleiro: YPF
Farmacêutico: GSK
Químico: Rizobacter
Retalho: Makro
Telefonia: Telefone
Siderurgia: Aluar
Tecnologia: Microsoft
Seguro: Sancor
Perfumaria / Cosméticos: Unilever
Serviços públicos: Gas Natural Fenosa

Entre os indicadores de medição de reputação de mídia, o estudo contém o protagonismo, a participação da voz, a notoriedade, a favorabilidade, o posicionamento e o nível de reputação da mídia de cada marca.

Da mesma forma, a pesquisa permite fazer cortes temáticos e identificar como o comportamento das marcas está em diferentes temas em que estão envolvidos. Nesse sentido, a área de RSE foi anunciada onde as três empresas líderes são: GSK, DOW e Microsoft.

Este estudo, que combina clipping de mídia, análise de informação humana e software proprietário para o gerenciamento de informações de mídia, permite analisar com base científica como o discurso é construído (entendido não apenas pelo que ele diz e faz). mas para a interpretação jornalística) de uma marca no cenário midiático, uma das mais desejadas pelas empresas.

--
Fonte:
Revista Mercado

Voltar